• 1.png
  • 3.png
  • 4.png
  • 5.png
  • 6.png
  • 7.png
  • 8.png
  • pe2.png



Paróquias Diocese São Luis

Paróquia São José – Figueirópolis D’Oeste


CNPJ: 03.192.499/0017-31

Data da Fundação: 1935-11-01

Endereço: Praça da Matriz, s/n Figueirópolis D’Oeste CEP: 78.290-000

Telefone: (65) 3235-1206

Email: figueiropolis@diocesedecaceres.com.br




    Inicialmente, Figueirópolis D’Oeste pertencia ao Município de Jauru/MT. Por ser uma comunidade grande, destacava-se entre as outras e, por isso, eram-lhe dispensadas atenções especiais. Além da presença esporádica de padres missionários, o Pe. Nazareno era quem, de fato, dava assistência mais direta a esta Comunidade na ação pastoral.
    Em 1978, chegaram a Figueirópolis D’Oeste as Irmãs Beneditinas da Divina Providência que se instalaram numa pequena casa que tinha sido de um padre missionário. As Irmãs Beneditinas exerciam várias atividades pastorais na Comunidade e, diante das necessidades da comunidade e região, levantaram um grande orfanato destinado a acolher, assistir e educar crianças e adolescentes em situações de riscos; hoje, conhecido como “Lar Madre Carla”.
    As primeiras Missas eram celebradas num barracão de madeira roliça, substituído mais tarde por outro com cobertura de alumínio, pois o antigo encontrava-se em situações precárias; inclusive, quase caiu sobre a comunidade reunida durante uma das Celebrações Eucarísticas.              Conta-se que, na ocasião, o Pe. Nazareno ouviu uns ruídos provocados pelas madeiras que cediam e, imediatamente, pediu aos fiéis que se retirassem do barracão que, em seguida, caiu por terra. A Missa foi concluída ao ar livre. Assim, a partir do ano de 1980, o povo, ajudado por um pedreiro suíço Vitório Lazari, remanescente da Operação Mato Grosso, construiu uma magnífica Igreja com três naves.
    No dia 01 de novembro de 1985, na Festa de todos os Santos, D. Máximo Biennés, em conformidade com Cânon 516 parágrafo 1, declara criada a quase-paróquia, tendo como Patrono São José, Esposo da S. Virgem Maria e Protetor da Santa Igreja. Nesta ocasião, foi nomeado Pe. Pierre Louis Le Corre, sacerdote da Sociedade dos padres de São Tiago, como pró-pároco que, enfrentando dificuldade de alojamento, decidiu construir uma sacristia servindo-lhe, também, como moradia.
    No ano de 1991, Pe. Pierre retornou à França e D. Paulo de Conto nomeou como novo Pároco de Figueirópolis D’oeste, município já emancipado desde 1986, Pe. Hilário Mendes Ribeiro que exerceu esta função durante cinco anos. No dia 12 de Janeiro de 1997, D. Paulo de         Conto declarou Pároco Pe. Benedito Correia de Lima, substituindo Pe. Hilário. Com o falecimento do Pe. Nazareno Lanciotti, Pe. Benedito assumiu a Paróquia Nossa Senhora do Pilar, em Jauru, permanecendo apenas como vigário em Figueirópolis D’oeste. No dia 31 de março de 2007, Pe. Aguinaldo Assunção Neves recebe a nomeação como novo pároco.
    Em 2010, a Paróquia São José, é constituída por 15 Comunidades Rurais, a saber: Comunidades São Carlos; Bom Jesus; São Pedro; Santo Agostinho; Nossa Senhora de Fátima; Nossa Senhora Rainha da Paz; São Miguel Arcanjo; Nossa Senhora da Guia; Santa Terezinha do Menino Jesus; Nossa Senhora do Pilar; São Benedito; Santa Luzia; Santos Reis Magos; São Sebastião e Nossa Senhora Mãe da Divina Providência.           Atualmente a Paróquia conta com aproximadamente 4.500 habitantes sendo que 45% se localiza na zona urbana e 55% na zona rural.
Embalada pelos festejos do centenário da Diocese, também a Paróquia São José prepara-se para celebrar seus 25 anos de missão, cujo Jubileu de Prata terá como tema: Sole Deo Gloria (I Cor 10, 31) – “Fazei tudo para glória de Deus”. Pois, tudo o que até então foi realizado e o que ainda se fará no âmbito da evangelização, visa uma única meta: a glória de Deus.