• 1.png
  • 3.png
  • 4.png
  • 5.png
  • 6.png
  • 7.png
  • 8.png
  • pe2.png



Pastoral Litúrgica


Plano Diocesano de Pastoral 2016/2020

 

Definição

 

   A Pastoral Litúrgica organiza a comunidade eclesial visando à formação litúrgica, à preparação e a realização de celebrações dos Sacramentos especialmente Eucaristia, Batismo e Matrimônio, para levar o povo de Deus a uma participação mais consciente, ativa e frutuosa (Cf. CNBB – Doc. 43, n. 185).

 

   Como a Liturgia é o exercício do sacerdócio de Jesus Cristo, enquanto glorificação de Deus e santificação da humanidade, a comunidade que celebra tem o compromisso de evangelizar o mundo (Doc.43 n. 64). Sendo assim, a promoção da liturgia possibilita a dinamização de todos os outros seguimentos pastorais da comunidade, pois ela é a fonte e ápice de toda atividade eclesial. (Cf. SC 10).

 

Função da equipe diocesana

 

   A equipe de pastoral litúrgica é o coração desta pastoral, em nível diocesano. Cabe a ela, juntamente com o Bispo, planejar sua ação. Esse planejamento será mais eficiente se houver pesquisa sobre a situação real dos que celebram, aprofundar sempre mais seus conteúdos bíblico-teológicos. Formar agentes e organizar sua ação (CNBB-Doc.43,n. 187) Sua grande tarefa será dinamizar um processo de formação das equipes de liturgia, batismo e matrimônio, para maior expressividade das celebrações e o enriquecimento espiritual de todo o povo (CNBB – Doc. 43 n. 189).

 

Objetivo

 

  Promover a dimensão litúrgico-celebrativa, fonte e cume da ação evangelizadora e pastoral da diocese, tendo em vista a participaçãoconsciente e ativa dos fiéis, por meio de expressões simbólicas adaptadas a cultura e a compreensão do povo. Despertar, em todo povo celebrante, a sensibilidade para o sagrado e valorizar os dons de cada pessoa e colocando-as a serviço da vida de todo povo de Deus. (Cf. DGAP. 244).

 

Linhas de ação

 

1.  Participar do conselho Diocesano de Pastoral,

 

2.  Promover maior inserção na Pastoral de Conjunto da Diocese, em todos os níveis, buscando maior integração com as pastorais, especialmente com as equipes de preparação dos sacramentos.

 

3.  Promover encontros de formação, retiros, assembleias, em nível diocesano, setorial e paroquial, para assegurar a continuidade da formação humana, espiritual, teológica e bíblica.

 

4.   Fortalecer as equipes de liturgia e de celebração em todas as paróquias e comunidades.

 

5.    Proporcionar formação para que a celebração litúrgica seja o espaço privilegiado da espiritualidade cristã, através da prática evangelizadora inculturada, na solidariedade, no diálogo, no anúncio e na vivência fraterna entre todos, tendo como centro a Eucaristia; enfatizando também a relação entre canto litúrgico e canto religioso.

 

6.  Favorecer o intercâmbio, a troca de experiências e materiais entre equipes litúrgicas da Diocese;

 

7.   Orientar as pastorais, movimentos e serviços para que possam conhecer melhor os aspectos litúrgico-celebrativos da vida da Igreja, visando unir a dimensão celebrativa à dimensão profética e transformadora da fé.

 

8.    Acolher os pais e padrinhos com o carinho do Bom Pastor, sensibilizando-os para a importância do Sacramento do Batismo como "Fonte para todas as Vocações" e Instrumento de Salvação.

 

9.  Motivar as paróquias a criarem as equipes paroquiais de liturgia, celebrações para o matrimônio, batismo e liturgia.

 

 

Benedita Jovelina de Franca e Celestino Rodigues Neto

Rua São Pedro, 1605 - Cavalhada - Cáceres - MT -  CEP: 78200-000

Tel.: (65) 99614-3531

e-mail: liturgia@diocesedecaceres.com.br / jovelinafranca@gmail.com

Artigos
Festas juninas: a Liturgia que nelas celebramos.  Responsavel: José Ariovaldo da Silva, ofm

PASTORAL LITÚRGICA Responsavel: CNBB

Páscoa: ápice da vida cristã Responsavel:  Benedita Jovelina França da Silva - PL

Eventos
Nenhum Evento Cadastrado.
Donwloads